quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Encontrar a si mesmo.

Quem nunca se sentiu perdido ou sem saber o que fazer? Quem nunca conseguiu compreender uma emoção ou sentimento que sentia? Quem nunca adiquiriu mais perguntas enquanto tentava encontrar respostas? Quem nunca parou em frente ao espelho e fez a seguinte pergunta: "Quem realmente sou eu?"
Tem dias que é possível alegarmos que nos perdemos de nós mesmos. Passamos a vida fazendo tantas atividades, se envolvendo cada vez mais com trabalhos, estudos, pessoas, que as vezes nos esquecemos de quem somos, de quem realmente somos e do que realmente queremos.

Alguns se afastam de si mesmos por questões de medo, de infelicidade própria, tentam buscar coragem ou felicidade na pessoa alheia. Cobiçam o que o outro é esquecendo que podem encontrar tudo aquilo que procuram neles mesmos.

Segundo o que Mama Chia ensina pra Dan Millman, todo ser humano é constituído por três Eus, onde cada qual é responsável por uma parte de nosso Ser completo. Vou dar uma pequena resumida aqui sobre os três Eus antes de continuar.

Eu Elementar: responsável por nossa parte sentimental, nossa parte de criança. Talvez a parte que mais nos mostre o que precisamos, mas que muitas vezes ignoramos.

Eu Consciente: responsável por nossa realidade, nosso ceticismo. O que nos mantém com os pés no chão, aceitando que tudo é o que é. Pode-se dizer a parte que resiste as nossas emoções quando este está separado do Eu Elementar.

Eu Superior: a essência de Deus que existe em cada um de nós.

Passamos tantas vezes pensando em respostas, querendo encontrá-lás em livros, revistas ou nos conselhos dos outros, que esquecemos de olhar pra nós mesmos, de ver o que realmente nosso Eu Elementar nos pede. Outra hora ficamos perguntando onde está Deus, querendo compreender o porque das coisas acontecerem das coisas que acontecem, que esquecemos de olhar pro Deus que existe em nós, que sempre esteja conosco e que nunca o sentimos.

O problema de tudo isso está nas barreiras que criamos entre esses três Eus, deixando cada um no seu próprio domínio, como se um fosse mais importante que outro. Isso é um erro, não existe um Eu melhor que o outro, o que existe é um Ser Completo quando esses três Eus se encontram e se tornam uma só existência.

Não tenha medo de sentir isso ou aquilo, por mais que você negue, no fundo seu Eu Elementar sabe que você quer. Quer encontrar Deus? Conviva em harmonia com seus Eus Elementar e Consciente, isso te fará mais próximo do seu Eu Superior, mais próximo de Deus.

Não procure as respostas do lado de fora, procure em você. Tire seus momentos de reflexão, compreenda tudo que existe dentro de você, confie em seus Eus interiores, eles iram te mostrar e te levar ao melhor pra você. Só você sabe o que é melhor pra você.

Pratique isso.

3 comentários:

Ingrid Normando disse...

Parabéns pelo texto. As vezes é dificil nos diferenciarmos dos outros!

Ana disse...

Cada ser tem na terra um papel importantissimo, cada um com seus defeitos e qualidades, com seus acertos e erros, se já é dificil viver a sua propria vida.. imagina você viver a vida de outra pessoa?... Quando alguem encontra o seu verdadero "eu"... a vida passa a ter um sentido diferente.


Socrates Fuba

Mauro José Carboni disse...

Muito útil, oportuno e inspirador este texto. Parabéns!!!!